Ciclo de palestras aquece o debate no segundo dia da 25ª Semana de Zootecnia da UFRPE


Com informações de Matheus Rocha

 

Nesta terça-feira (9) o salão nobre da UFRPE deu espaço para o ciclo de 4 palestras da 25ª Semana de Zootecnia. A primeira palestra do dia “A ascensão da zootecnia no Nordeste” teve a contribuição do professor Severino Benone, ele falou sobre as perspectivas e as conquistas alcançadas pelos zootecnistas no nordeste brasileiro.

Já o segundo palestrante, o pesquisador da Embrapa, Gherman Leal, trouxe para a discursão a “Zootecnia Biossalina”. Leal, explanou as dificuldades da utilização do recurso, porém não descartou a utilização dela, considerando-a “uma boa alternativa nos casos apropriados”.

A tarde o debate aqueceu e as perguntas foram constantes, diante da onda de questionamentos que povoam o tratamento de cavalos para vaquejada. O professor Steve Bezerra trouxe para a plateia de estudantes o treinamento de cavalos para circuitos de competição e fez questão de iniciar a palestra falando sobre a doma racional dos animais. O auditório estava repleto de estudantes e ao final todos fizeram questão de fazer um registro com o palestrante.

O último palestrante do dia, Joacir Rufino, abordou acerca das dificuldades sobre a agricultura familiar, trazendo diversos dados em cima do assunto. Pontuou sobre os programas governamentais e destacou que muitos deles não atendem aos pequenos produtores, que são os que mais necessitam.